Pós-Impressionismo: Características da Pintura e Importância Artística do Movimento.

Publicado em 31 de julho de 2018 às 3:30 AM por EMITEC - Ensino Médio com Intermediação Tecnológica
Vídeo

CONTEÚDO(S): Pós-Impressionismo - Características da Pintura e Importância Artística do Movimento. OBJETIVO(S): Conhecer e apreciar criticamente obras e produções visuais e plásticas de artistas locais, regionais, nacionais e estrangeiros; Estudar aspectos históricos da produção artística da humanidade problematizando as narrativas eurocêntricas e considerando os contextos de diferentes sociedades. O Pós-impressionismo foi uma tendência nas artes (sobretudo das artes plásticas e escultura) que ocorrera na França em finais do século XIX e início do XX. Esse movimento vanguardista, que teve início em 1885 e permaneceu até o surgimento do Cubismo, em 1907, está relacionado ao seu original “Impressionismo”, de modo que o confronta. Esse termo foi utilizado pela primeira vez pelo crítico de arte britânico Roger Eliot Fry (1866-1934), para designar as obras expostas na Grafton Galleries, em Londres, no ano de 1910, que incluía pinturas de Paul Cézanne, Vincent van Gogh e Paul Gauguin.

  • Ensino Médio
  • Arte
  • Linguagens e seus códigos
  • 2ª Série

  • Claudia Cedraz
  • Elci Paim
  • Jucy Lôbo
  • Paula Brito
  • Stael Kyanda

EMITEC - Ensino Médio com Intermediação Tecnológica

14 de junho de 2018

Atribuição-NãoComercial-SemDerivados CC BY-NC-ND

0 comentário(s)