Figuras de Linguagem e Barroco

Publicado em 5 de dezembro de 2017 às 3:37 PM por EMITEC - Ensino Médio com Intermediação Tecnológica
Vídeo

CONTEÚDO(S): Figuras de Linguagem e Barroco. OBJETIVO(S): Reconhecer a função das figuras de linguagem na construção de sentidos dos textos. Conceituar e exemplificar as principais figuras de linguagem. Refletir sobre o Barroco como um movimento literário considerado como o estilo correspondente ao absolutismo e à Contrarreforma; Analisar as produções de Gregório de Matos bem como as do padre Antônio Vieira percebendo as características barrocas. As figuras de linguagem tornam a mensagem mais criativa e original e as utilizamos para atribuir às palavras significados diferentes daquele que encontramos no dicionário. Como figuras de linguagem, podemos destacar: metonímia, metáfora, comparação, catacrese, eufemismo, hipérbole, pleonasmo, antítese, ironia, prosopopeia, dentre outras. O Barroco é constituído pelas primeiras manifestações literárias genuinamente brasileiras ocorridas no Brasil Colônia, embora diretamente influenciadas pelo barroco europeu. Diz respeito a todas as manifestações artísticas dos anos 1600 e início dos anos 1700. Além da literatura, estas manifestações estendem-se à música, pintura, escultura.

  • Ensino Médio
  • Língua Portuguesa
  • Linguagens e seus códigos
  • 1ª Série

Bárbara Hurst, Fabiane Freitas, Myrian Crusoé, Nilma Vieira

EMITEC-Ensino Médio com Intermediação Tecnológica

30 de novembro de 2017

Atribuição-NãoComercial-SemDerivados CC BY-NC-ND

0 comentário(s)