Vícios de Linguagem

Publicado em 12 de julho de 2016 às 8:14 PM por EMITEC - Ensino Médio com Intermediação Tecnológica
Vídeo

CONTEÚDO: Vícios de linguagem. OBJETIVOS: Reconhecer os vícios de linguagem com vistas ao desenvolvimento da competência linguística.

Nesta aula faremos um estudo sobre os vícios de linguagem que são desvios das normas da gramática-padrão. Geralmente, acontecem por descuido ou até mesmo por desconhecimento. Os principais vícios de linguagem são: cacófato, pleonasmo, colisão, solecismo, barbarismo e neologismo.

O cacófato consiste em criar um som desagradável pela união de duas ou mais palavras no enunciado da frase, já o pleonasmo trata-se da repetição de um termo já expresso ou de uma ideia já sugerida, para fins de clareza.

A colisão em linguagem ocorre com a repetição de consoantes iguais ou semelhantes, provocando uma dissonância.

Por sua vez, o solecismo é o erro de sintaxe quanto à concordância, regência ou colocação pronominal, tornando a frase imprecisa ou incompreensível. Acontece muito quando se quer levar para uma variedade de língua a norma de outra variedade, tal como da norma coloquial para a norma exemplar.

No caso do barbarismo, tem-se o  desvio da norma culta no que diz respeito à grafia, à pronúncia, à semântica e à ortografia. Por fim, o neologismo consiste na criação de palavras ou expressões novas na língua. 

  • Ensino Médio
  • Língua Portuguesa
  • Linguagens e seus códigos
  • 3ª Série

Fátima Fonseca, Isabela Dias, Myrian Crusoé, Neila Silveira, Nilma Vieira.

EMITEC - Ensino Médio com Intermediação Tecnológica

2 de junho de 2016

Atribuição-NãoComercial-SemDerivados CC BY-NC-ND

0 comentário(s)