Movimentos Abolicionistas e o Fim do Sistema Escravista no Brasil

Publicado em 17 de outubro de 2019 às 10:06 AM por EMITEC - Ensino Médio com Intermediação Tecnológica
Vídeo

CONTEÚDO(S): Movimentos Abolicionistas e o Fim do Sistema Escravista no Brasil. OBJETIVO(S): Analisar as lutas sociais e conquistas obtidas no que se refere às mudanças nas legislações ou nas políticas públicas; Reconhecer o protagonismo afro-brasileiro nos movimentos abolicionistas; Compreender a atuação dos movimentos sociais que contribuíram para mudanças ou rupturas em processos de disputa pelo poder. O fim do tráfico de escravizados (as) trouxe implicações imediatas que auxiliariam a transformar a experiência da escravidão: o trafico interprovincial e a crescente crioulização da escravidão, que passava a se constituir na sua maioria de escravizados (as) nascidos no Brasil. A partir de 1870, como consequência da pressão dos (as) escravizados (as), da deslegitimarão da escravidão junto à sociedade e da imagem internacional do Brasil como um país escravocrata, tem início uma política do Estado brasileiro de emancipação. O sentimento antiescravista cresceu entre estudantes das Faculdades e entre os profissionais liberais, dando início aos movimentos abolicionistas.

  • Ensino Médio
  • História
  • Humanas
  • 2ª Série

  • Gracione Batista
  • Miriã Fonseca
  • Orlando Santos
  • Rodrigo Lopes
  • Selma Reis
  • Terpsychore Quirino

EMITEC - Ensino Médio com Intermediação Tecnológica

Não

8 de outubro de 2019

Atribuição-NãoComercial-SemDerivados CC BY-NC-ND

0 comentário(s)