Mobilidade Social e Relação com a Condição de Origem - O Caso de Mulheres em Movimentos Sociais “Rurais”

Publicado em 22 de maio de 2019 às 6:30 PM por ANA RITA ESTEVES MEDRADO BORGES

CONTEÚDO(S): Análise das relações que indivíduos com mobilidade social ascendente estabelecem com sua origem social. OBJETIVO(S): Trata-se especificamente de modalidades de relações com a origem de mulheres militantes em sindicatos e movimentos de agricultores. A partir de resultados de entrevistas estruturadas e semiestruturadas, a abordagem leva em conta a condição social de origem, os trajetos dos indivíduos considerados e de como a apresentam. A militância nessas organizações implica mobilidade social sem ruptura simbólica com a condição de origem. Assim, a militância permite uma modalidade de mobilidade social bastante específica, com a manutenção da identidade de origem, e o estabelecimento de uma série de compromissos com ela.CONTEÚDO(S): Análise das relações que indivíduos com mobilidade social ascendente estabelecem com sua origem social.

  • Ensino Médio
  • Ensino Superior
  • Sociologia
  • História
  • Ciências Humanas
  • Ciência Sociais Aplicadas
  • 3ª Série

Gabriele dos Anjos

IE - Indicadores Econômicos FEE

Não

Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual CC BY-NC-SA

0 comentário(s)